terça-feira, 22 de maio de 2018

"Presidente da OAB em Brasília é denunciado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro!"



O Ministério Público diz que atuação beneficiava grupo J&F. Juliano Costa Couto negou que tenha sido contratado para atuar pela empresa.

Ministério Público Federal denunciou o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal, Juliano Costa Couto, pela participação em esquema de corrupção para o vazamento de informações do MP em benefício do grupo J&F. Ele foi acusado de corrupção ativa e lavagem de dinheiro.

Em defesa, Juliano Costa Couto disse que nunca foi contratado para atuar em nenhuma operação ou interesse do grupo J&F e que não cometeu nenhuma ilegalidade.

Ministério Público denuncia Joesley Batista e mais cinco por corrupção

Outros alvos

Também foram denunciados por crimes como corrupção, lavagem de dinheiro, embaraço a investigações e violação de sigilo funcional os executivos da J&F Joesley Batista e Francisco de Assis, o publicitário André Gustavo Vieira, o procurador Ângelo Goular Vilella e o advogado Willer Tomaz.

O documento foi apresentado no fim de abril ao Tribunal Regional Federal da 1ª região, com sede em Brasília, e a relatora é a desembargadora Mônica Sifuentes, que deverá submeter a acusação à Corte Especial do tribunal.

Segundo a denúncia, o valor pago pela J&F a título de propina foi de R$ 3,7 milhões, por meio de contrato fictício de advocacia, para que o procurador passasse informações da operação Greenfield, que investigou fraudes em fundos de pensão. Segundo o MP, o presidente da OAB-DF teria ficado com um terço desse valor para ajudar a corromper o procurador.

O que dizem as defesas?

A defesa de Joesley Batista disse que enquanto o STF não se manifestar sobre a rescisão do acordo de colaboração dele com a Procuradoria-Geral da República, a denúncia não pode ser recebida. “Usar um fato denunciado pelo colaborador contra o próprio colaborador é um grave desrespeito à lei e as cláusulas do acordo de colaboração.”

O G1 tentou contato com o ex-procurador Angelo Goulart Vilella, com o publicitário André Gustavo Vieira, e com o ex-executivo da J&F, Francisco de Assis, mas não obteve retorno.


PATROCINADORES, EMPRESAS E PARCEIROS DO GRUPO KÉSSIO JHONIS DE COMUNICAÇÃO:



segunda-feira, 21 de maio de 2018

"Junta Militar de São Francisco de Itabapoana recebe visita de orientação técnica!"


“O serviço militar é mais do que um dever, é um serviço ao povo brasileiro”, afirmou o tenente-coronel Carlos Alexsandro de Almeida, chefe do Posto de Recrutamento e Mobilização (PRM) 01/003, durante visita na manhã desta quarta-feira (16/05/2018) à Junta Militar de São Francisco de Itabapoana (SFI).

De acordo com Alexsandro, foram analisados processos, estrutura, documentação e adequação de contatos de trabalho entre a Junta e o PRM. “O trabalho está sendo bem realizado. Este é um serviço público diretamente voltado ao cidadão, por isso buscamos a excelência”, explicou.

O PRM 01/003 é sediado na cidade de Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro, e cobre 63 municípios da Região Centro-Norte Fluminense, além de três cidades capixabas. O segundo-tenente Rosan de Azevedo, que é delegado de Serviço Militar, também participou da inspeção.

De acordo com o secretário da Junta de Serviço Militar de SFI, Carlos Roberto da Silva, a visita é anual. Ele destaca alguns dos serviços prestados pelo órgão, que tem como presidente a prefeita Francimara: Atestado de Desobrigação, Certificado de Isenção, Certificado de Dispensa de Incorporação (CDI) e Certificado de Dispensa do Serviço Alternativo (CDSA). O local funciona de segunda a sexta-feira, na Avenida Vereador Edenites da Silva Viana, nº 220, em frente à Igreja Matriz de São Francisco de Paula, na área central do município.


PATROCINADORES, EMPRESAS E PARCEIROS DO GRUPO KÉSSIO JHONIS DE COMUNICAÇÃO:



domingo, 20 de maio de 2018

MODA? Policial é flagrado se masturbando dentro de carro em frente à escola no Estado do Espírito Santo

Mãe de aluno registrou um boletim de ocorrência

(Foto: reprodução TV Gazeta)

Um homem identificado como policial militar foi flagrado se masturbando dentro de um carro em frente a uma escola particular de Vitória, no Espírito Santo, na última quinta-feira (17/05/2018). O registro foi feito pela mãe de um aluno, que ficou revoltada com a situação e denunciou ele. A Polícia Militar abriu processo administrativo e afastou o PM do cargo.

“Ele destravou o carro, que estava do lado que eu estava encostada, entrou no carro, abaixou os vidros, pegou um jornal e começou a ler e perguntou se eu trabalhava ali perto. Eu respondi que não e não dei mais assunto. Foi quando eu ouvi tipo um som raspando a garganta, para chamar a atenção. E eu percebi que o que ele estava fazendo. Ele estava com o órgão genital para fora, se masturbando”, disse.

A mãe do aluno também tirou a foto da placa do carro e registrou um boletim de ocorrência. “Passou na minha cabeça que ele pudesse estar fazendo uma criança passar por uma situação constrangedora e que está calada. A minha vontade naquele momento era fazer barraco. Gritar, partir para cima dele, bater nele, mas graças a Deus consegui manter a frieza. Eu falei que eu preciso provar isso. Eu puxei a câmera e comecei a fotografar ele. Ele viu que eu estava fotografando, ele acelerou o carro e saiu”, completou.

A escola fica a poucos metros de uma delegacia e uma unidade da guarda municipal. As fotos tiradas pela mãe do aluno rapidamente circularam pelas redes sociais.

Em nota, a Polícia Militar falou sobre o caso. “A Polícia Militar informa que recebeu, durante a madrugada desta sexta-feira (18), a notícia de que o autor do ato repulsivo seria um policial militar. Diante da gravidade das informações apresentadas, o Comando-Geral determinou, nesta manhã, a abertura de um processo administrativo disciplinar demissionário a fim de julgar a conduta atribuída ao militar, lotado no 8ª Batalhão (Colatina). A abertura do processo também estabelece o afastamento preventivo e imediato das funções públicas”, disse a nota.

Caso semelhante aconteceu em São Francisco de Itabapoana:

Na segunda-feira, 14, um caso semelhante aconteceu no Centro de São Francisco de Itabapoana. Um homem foi flagrado praticando o mesmo ato obsceno dentro de um táxi, em frente a uma loja. A funcionária da loja, constrangida e revoltada com aquela situação, também registrou um boletim de ocorrência. O homem, identificado como sendo o motorista auxiliar do táxi, foi autuado no ato obsceno.

O ato obsceno é um crime previsto no artigo 233 do Código Penal Brasileiro com pena de detenção de três meses a um ano, ou multa.

PATROCINADORES, EMPRESAS E PARCEIROS DO GRUPO KÉSSIO JHONIS DE COMUNICAÇÃO:



SAÚDE DE VERDADE NO GOVERNO FRANCIMARA: "Departamento de Odontologia do município de SFI zera demandas por tratamentos endodônticos!"



A prefeitura de São Francisco de Itabapoana(SFI), através de seu Departamento de Odontologia, conseguiu zerar toda a demanda por tratamentos endodônticos do município. De acordo com a diretora do Departamento, Karina Abdu, a fila de espera por tratamento de canal era considerada um problema crônico do Departamento Odontológico em gestões passadas, mas no atual governo, uma força-tarefa com intervenções em gestão e estratégia de atendimento teve um resultado considerado positivo, acabando a demanda reprimida existente no município, o que resultou em um total de 30 atendimentos por mês em endodontia, tratamento de canal do dente.
Segundo Karina Abdu, anteriormente as pessoas aguardavam cerca de cinco meses para atendimento com endodontista. “As filas de espera chegavam a 257 pessoas, mas buscamos através de uma gestão eficiente focada na qualidade dos serviços zerarmos todas as nossas demandas. Trata-se de um tratamento demorado, mas de muita importância para nossa população. A equipe trabalhou bastante e de maneira eficiente, alcançando um resultado muito positivo”, finalizou Abdu.

PATROCINADORES, EMPRESAS E PARCEIROS DO GRUPO KÉSSIO JHONIS DE COMUNICAÇÃO:



GOVERNANDO PARA TODOS EM SFI: "Centro de Convivência promove palestras sobre benefícios do CadÚnico!"



Na próxima semana o Centro de Convivência da Terceira Idade Nágme Jorge Abílio, em São Francisco de Itabapoana (SFI), promoverá uma série de palestras abordando os benefícios do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e suas respectivas exigências.

Os encontros serão conduzidos por técnicas dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras). “Identificamos a necessidade de abordarmos esse assunto, uma vez que muitos idosos carregam dúvidas sobre o tema e, por muitas vezes, deixam de ser contemplados pelos programas sociais”, afirmou a coordenadora do órgão, Izabel Freitas.

As palestras serão ministradas a partir de 13h30, entre segunda (21/05/2018) e quinta-feira (24/05/2018), para que todos os grupos de assistidos possam participar.

Segundo o secretário municipal do Trabalho e Desenvolvimento Humano, Fagner Azeredo, o Benefício de Prestação Continuada (BPC) é um dos benefícios direcionados a idosos acima de 65 anos.

“Estamos buscando levar sempre informação aos nossos idosos através de palestras e outras ações, a fim de garantir os direitos deles, atendendo assim a uma determinação da prefeita Francimara, que tem um carinho especial pela terceira idade”, finalizou Azeredo.


PATROCINADORES, EMPRESAS E PARCEIROS DO GRUPO KÉSSIO JHONIS DE COMUNICAÇÃO:



sábado, 19 de maio de 2018

GOVERNANDO PARA TODOS EM SFI: "Centro Municipal de Fisioterapia zera fila de espera e registra 1500 atendimentos mensais!"



Com 13 profissionais especializados e funcionamento de segunda a sexta-feira, entre 8h e 17h, o Centro Municipal de Fisioterapia Tânia Hisse Ribeiro, em São Francisco de Itabapoana (SFI), atingiu a média de 1500 atendimentos mensais. Além disso, o órgão zerou a fila de espera, composta anteriormente por cerca de 150 pacientes.

“Dentro da medida do possível, estamos procurando melhorar o atendimento em todas as áreas da Saúde. É um trabalho difícil, já que a demanda é permanente, mas com o empenho da nossa equipe estamos conseguindo avançar gradativamente”, declarou a prefeita de SFI, Francimara Barbosa Lemos.

A coordenadora do órgão, Virgínia Batista, ressaltou que o sistema de rotatividade propiciou a redução do tempo de espera. “Antes, era preciso esperar de três a quatro meses. Hoje, não ultrapassa 15 dias, após recebemos o encaminhamento do Sistema Único de Saúde (SUS)”, explicou.

Ela esclareceu que são oferecidas fisioterapia em geral, neuropediatria e Reeducação Postural Global (RPG). Este último, não é exigido pelo SUS, mas é oferecido pelo Executivo municipal através de recursos próprios. A fisioterapeuta Ana Carolina destacou que uma consulta particular de RPG varia de R$ 100 a R$ 120 e em SFI é oferecida gratuitamente à população.


Ainda de acordo com a coordenadora do órgão, existem postos de atendimento em Barra do Itabapoana e Praça João Pessoa. Esses locais oferecem os mesmos serviços nessas localidades para evitar que os moradores da região se desloquem até a área central do município, onde está localizado o Centro Municipal.

Além disso, um automóvel fica à disposição de moradores que não possuem condições financeiras para transporte, moram em locais muito afastados ou são cadeirantes. A gerência do órgão realiza uma triagem para identificar tais características.

Atendimento domiciliar — Pacientes com dificuldade de locomoção recebem os serviços fisioterápicos em casa. Atualmente, de seis a oitos pessoas são tratadas desta forma, em localidades como Estreito e São Domingos.


PATROCINADORES, EMPRESAS E PARCEIROS DO GRUPO KÉSSIO JHONIS DE COMUNICAÇÃO: